Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/9491
Document type: Tese
Title: Trasntorno de estresse pós-traumático : investigação da conectividade cerebral e avaliação do efeito de técnicas autoaplicáveis em pacientes adultos
Author: Leite, Leticia 
Advisor: Buchweitz, Augusto
Abstract (native): Estudos de ressonância magnética funcional em estado de repouso (rs-fMRI) tem fornecido evidências sobre alterações neurofuncionais do Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT), mas poucos deles consideraram a análise das subdivisões da amígdala (centromedial, CMA; basolateral, BLA; superficial, SFA). Isto poderia auxiliar o conhecimento sobre o neurocircuito do TEPT, possibilitando identificar biomarcadores confiáveis e possíveis alvos terapêuticos para o desenvolvimento de novas intervenções. Esta tese subdivide-se em duas seções. SEÇÃO I: Estudo transversal dedicado à (1) exploração de padrões de conectividade das subregiões da amígdala em pacientes com TEPT desenvolvido por trauma na idade adulta versus controles saudáveis e à (2) investigação das associações destes padrões com os escores do Childhood Trauma Questionnaire (CTQ), Posttraumatic Stress Disorder Checklist 5 (PCL-5), Beck Anxiety Inventory (BAI) e Patient Health Questionnaire-9 (PHQ-9). Vinte indivíduos participaram do estudo, sendo 10 participantes com TEPT e 10 controles saudáveis (18 mulheres; média de idade = 35,10 DP = 11,32). Em comparação ao grupo controle, o grupo TEPT mostrou menor conectividade entre a SFA e regiões posteriores (giro fusiforme, giro lingual e occipital medial). O grupo TEPT também apresentou associações negativas entre: (I) os escores do CTQ e a conectividade da CMA com o córtex cingulado anterior, o giro frontal medial e o giro angular; (II) os escores do PCL-5 e a conectividade da CMA com a área motora suplementar. É necessário expandir as investigações sobre as disfunções na conectividade funcional das subregiões da amígdala no TEPT para melhor entender esta relação e os possíveis efeitos em regiões sensoperceptivas. SEÇÃO II: Estudo experimental dedicado à avaliação do efeito do uso conjunto de dois áudios autoaplicáveis em desfechos clínicos (PCL-5, PHQ-9 e BAI) e cerebrais (conectividade cerebral das subregiões da amígdala) de pacientes com TEPT. Onze indivíduos com TEPT participaram do estudo (10 mulheres; média de idade=37,73 DP =11,76). Após oito semanas de intervenção os escores BAI, PHQ-9 e PCL-5 apresentaram redução estatísticamente significativa; houve alteração nos escores de conectividade entre a CMA esquerda e giro frontal superior direito. Contar com uma técnica que (I) reúna recursos utilizados em terapias já consolidadas, (II) autoaplicável e (III) acessível pela internet pode ampliar o acesso ao bem estar de pessoas que sofrem pelas conseqüências da experiência traumática. Este é um estudo piloto com importantes limitações e seu seguimento é fundamental para reduzir especulações e ampliar evidências.
Abstract (english): Posttraumatic Stress Disorder (PTSD) is a serious world public health problem. Resting state functional magnetic resonance imaging (rs-fMRI) studies provide information about aberrant neurofunctional changes in this disorder. It is important to consider the analysis of the amygdala subdivisions (centromedial, CMA; basolateral, BLA; superficial, SFA) in this disorder to identify reliable biomarkers and therapeutic targets. This thesis is divided into two sections. SECTION I: We explored the connectivity patterns of the amygdala subregions in patients with PTSD developed by trauma in adulthood versus healthy controls. We also investigated associations of these patterns with scores of Childhood Trauma Questionnaire (CTQ), Posttraumatic Stress Disorder Checklist 5 (PCL-5), Beck Anxiety Inventory (BAI) and Patient Health Questionnaire-9 (PHQ-9). Twenty individuals participated in the study: 10 patients with PTSD and 10 healthy controls (18 women; mean age = 35.10 SD = 11.32). PTSD group showed lower connectivity among SFA and fusiform gyrus, lingual gyrus and medial occipital gyrus in compeer to control group. The PTSD group also showed negative associations among (I) CTQ scores and CMA connectivity with the anterior cingulate cortex, medial frontal gyrus and angular gyrus; (II) PCL-5 scores and CMA connectivity to supplementary motor area. It is necessary to expand investigations about connectivity dysfunctions of the amygdala subregions in PTSD to understand this relationship and the possible effects in sensoperceptive regions. SECTION II: We evaluated the effect of the joint use of two self-applicable audios on clinical outcomes (PCL-5, PHQ-9 and BAI) and brain connectivity in patients with PTSD. Eleven patients with PTSD participated in the study (10 women; mean age = 37.73 SD = 11.76). After eight weeks of intervention, the BAI, PHQ-9 and PCL-5 scores showed a significant reduction; there was a change in the connectivity scores between the left CMA and the upper right frontal gyrus. Having a technique that (I) gathers resources used in therapies already consolidated, (II) self-applicable and (III) accessible by Internet can increase access to the well-being of people who suffer the consequences of traumatic events experience. This is a pilot study with important limitations and its monitoring is essential to reduce speculation and expand the evidence.
Keywords: Transtorno de Estresse Pós-Traumático
Conectividade Cerebral
Subregiões da Amígdala
Inovação Terapêutica
Áudios Autoaplicáveis
Posttraumatic Stress Disorder
Brain Connectivity
Amygdala Subregions
Innovation
Self-Applicable Audios
CNPQ Knowledge Areas: CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Escola de Medicina
Program: Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde
Access type: Acesso Aberto
Fulltext access restriction: Trabalho será publicado como artigo ou livro
Time to release fulltext: 60 meses
Date to release fulltext: 18/02/2026
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/9491
Issue Date: 24-Mar-2020
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TES_LETICIA_LEITE_CONFIDENCIAL.pdfLETICIA_LEITE_TES468,73 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.