Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/8431
Document type: Tese
Title: Avaliação dos estilos de aprendizagem em graduandos de medicina
Author: Caetano, Cynthia 
Advisor: Antonello, Ivan Carlos Ferreira
Abstract (native): No cenário da educação superior, é muito importante o reconhecimento dos diferentes estilos de aprendizagem, o que projeta a possibilidade de utilização de estratégias variadas e metodologias ativas de ensino. O objetivo deste estudo consiste em descrever os estilos de aprendizagem de estudantes de graduação em medicina. Foi realizado um estudo observacional, transversal, exploratório, com uma coorte aninhada, acompanhando alunos de medicina do primeiro ao sexto ano do curso de graduação de uma universidade comunitária do sul do Brasil. A etapa longitudinal do estudo consistiu na avaliação consecutiva de uma turma ingressante no curso, nos tempos 0-6-12-18 meses. O instrumento utilizado para avaliar o estilo de aprendizagem foi o questionário VARK, acrônimo para instrumento visual (V), aural (A), leitor/escritor (R) e cinestésico (K). Para a avaliação de desempenho dos alunos, empregou-se o Teste de Progresso (TP med) e a média das notas dos módulos do semestre. Foram avaliados 319 alunos e verificou-se que a maioria apresentou múltiplos estilos de aprendizagem (76%). Na etapa transversal, a correlação entre as modalidades sensoriais de estilos de aprendizagem e o escore Z para desempenho no TP med mostra uma correlação com valor de r = 0,205 (p <0,001), sugerindo uma associação fraca entre os estudantes multimodais (trimodal ou quadrimodal) e o maior desempenho do aluno, representado pela nota do TP med. Quando realizada a análise associação entre a modalidade de estilos (Modal QT) e a média do desempenho nos módulos do semestre, observou-se uma correlação de 0,285 * (p<0,001), mostrando uma tendência de desempenho superior nos estudantes com múltiplos estilos de aprendizagem. Na análise longitudinal, foi possível evidenciar a mudança dos estilos de aprendizagem (Modal QT) do primeiro para o terceiro semestre do curso (p<0,001). Conclui-se que, para a amostra estudada e com a metodologia empregada, a maioria dos alunos apresenta múltiplos estilos de aprendizagem. A correlação entre o estilo de aprendizagem e o desempenho acadêmico foi considerada fraca positiva, evidenciando uma tendência de desempenho acadêmico superior nos estudantes com múltiplos estilos de aprendizagem. Na análise longitudinal, o processo de mudança no modelo de aprendizagem atinge a maior diversidade de estilos no terceiro semestre do curso médico, reforçando que a inserção nos cenários de prática e o projeto pedagógico do curso proporcionam estratégias variadas para a construção do conhecimento na graduação em medicina.
Abstract (english): In higher education, it is paramount to recognize different learning styles, projecting the possibility of using different teaching strategies and more specific methodologies. The present study aims at describing the learning styles of medical school students. An observational, transversal, exploratory, and nested case-control study was conducted with medical school students from years one to six in a community university in Southern Brazil. The longitudinal stage of the study consisted in the consecutive evaluation of the one group from first semester class in periods of 0-6-12-18 months. To evaluate students, a VARK questionnaire was used (VARK meaning Visual, Aural, Read/write, and Kinesthetic). In order to evaluate students' performance, a progress exam (TPMed) was employed. Students' average grades in the semester were also considered. An evaluation of 319 students verified that the majority presented multiple learning styles (76%). In the transversal stage, the correlation between stimulus modalities of learning styles and Z score for TP med performance shows a correlation of r = 0,205 (p <0,001), which suggests a weak association between multimodal (trimodal or quadrimodal) students and higher student performance, represented by the TP med score. When conducting the association analysis between learning styles (QT Modal) and average grades, it is possible to observe a 0,285 correlation (p<0.001), showing a tendency to superior performance in students with multiple learning styles. In the longitudinal analysis, it was possible to highlight the change in learning styles (QT Modal) from the first to the third semester (p<0.001). It is possible to conclude that, considering the methodology employed and the sample analyzed, most students present multiple learning styles, and gender and age differences are not significant. No important correlation was found between learning style and academic performance. In the longitudinal analysis, the process of change in the learning model reaches a bigger diversity of styles in the third semester of medical school.
Keywords: Educação
Educação Superior
Ensino
Estratégias de Ensino
Instrução
Método de Aprendizagem
Universidade
Education
Higher Education
Teaching
Teaching Strategies
Instruction
Learning Method
University
CNPQ Knowledge Areas: CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Escola de Medicina
Program: Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde
Access type: Acesso Aberto
Fulltext access restriction: Trabalho será publicado como artigo ou livro
Time to release fulltext: 60 meses
Date to release fulltext: 31/01/2024
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/8431
Issue Date: 23-Oct-2018
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TES_CYNTHIA_CAETANO_CONFIDENCIAL.pdfCYNTHIA_CAETANO_TES420.28 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.