Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/9314
Document type: Tese
Title: Sobre a possibilidade do (im)possível : adorno e a filosofia moral como expressão do sofrimento
Author: Correia, Fábio Caires 
Advisor: Souza, Ricardo Timm de
First advisor-co: Perius, Oneide
Abstract (native): Esta tese se constitui como uma tentativa de leitura da crítica ao conceito de filosofia, de maneira geral, e de filosofia moral, de modo mais particular no pensamento de Theodor W. Adorno (1903-1969). Leitura que tem fundamentalmente dois objetivos, ou melhor, duas motivações: (I) por um lado, pretende particularizar a crítica adorniana no marco de outras críticas ao conceito de identidade que marcou o campo da filosofia desde praticamente começos do século XIX; (II) por outro lado, diferenciar tanto a crítica adorniana, como defendê-la sobre a hipótese de que a partir dela é possível encontrar novos elementos para pensarmos em um conceito de subjetividade não repressiva e, consequentemente, repensar outro modelo de pensamento para a relação sujeito-objeto. Isso implicará destacar o caráter dialético das críticas que aqui me ocupo, i.e., implicará em mostrar que em Adorno há uma oscilação entre sistema e momento e que a análise modelar deve acompanhar e diferenciar o movimento dessas críticas. O propósito é, então, mostrar que a filosofia de Adorno pode ser lida como um ensemble de mínimas moralias ou ainda como uma dialética da alteridade desde, e essa é a tese, a abolição do sofrimento.
Abstract (english): This thesis constitutes an attempt to read the criticism of the concept of philosophy, in general, and of moral philosophy, in a more particular way in the thinking of Theodor W. Adorno (1903-1969). Reading that basically has two objectives, or better, two motivations: (I) on the one hand, it intends to particularize the Adornian criticism within the framework of other criticisms of the concept of identity that has marked the field of philosophy since practically the beginning of the 19th century; (II) on the other hand, to differentiate both Adornian criticism and to defend it on the hypothesis that from it it is possible to find new elements to think about a concept of non-repressive subjectivity and, consequently, rethink another model of thought for the subject-object relationship. This will imply highlighting the dialectical character of the criticisms I address here, i.e., it will imply in showing that in Adorno there is an oscillation between system and moment and that the model analysis must accompany and differentiate the movement of these criticisms. The purpose, then, is to show that Adorno's philosophy can be read as an ensemble of minimal moralities or as a dialectic of otherness since, and this is the thesis, the abolition of suffering.
Keywords: Filosofia Moral
Dialética
Expressão
Theodor W. Adorno
Sofrimento
Moral Philosophy
Dialectic
Expression
Theodor W. Adorno
Suffering
CNPQ Knowledge Areas: CIENCIAS HUMANAS::FILOSOFIA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Escola de Humanidades
Program: Programa de Pós-Graduação em Filosofia
Access type: Acesso Aberto
Fulltext access restriction: Trabalho será publicado como artigo ou livro
Time to release fulltext: 48 meses
Date to release fulltext: 03/11/2024
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/9314
Issue Date: 30-Mar-2020
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Filosofia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TES_FÁBIO_CAIRES_CORREIA_CONFIDENCIAL.pdfFÁBIO_CAIRES_CORREIA_TES416.18 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.