Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/8421
Document type: Tese
Title: Inclusão, experiências e práticas pedagógicas : o atendimento educacional especializado na educação básica na perspectiva de Vygotsky
Author: Ziesmann, Cleusa Inês 
Advisor: Guilherme, Alexandre Anselmo
Abstract (native): As escolas são espaços de construção de sujeitos autônomos, seres pensantes, críticos, criativos e questionadores (MANTOAN, 2013). Um dos grandes desafios das instituições de ensino é proporcionar o acesso dos alunos à educação de qualidade em todos os níveis de ensino, respeitando as suas diferenças culturais e sociais para torná-los cidadãos atuantes na sociedade. Nesse viés, este estudo tem como problema de pesquisa compreender como os professores do município de Santa Rosa (RS), que trabalham nas salas de Atendimento Educacional Especializado (AEE) e nas salas do ensino regular, entendem e efetivam a inclusão no espaço escolar. A partir disso, procura-se identificar as concepções dos professores das salas de AEE e das salas do ensino regular sobre inclusão e a importância das relações interpessoais entre os docentes e alunos para, assim, proporcionar práticas potencialmente eficientes na promoção da efetiva inclusão. Para alcançar tais objetivos foi realizada uma pesquisa bibliográfica a partir dos princípios do Estado de Conhecimento nos bancos de teses na BDTD e artigos científicos em revistas com Qualis A1 e A2 da Capes a fim de compor o Estado da Arte e, ainda, uma pesquisa de campo de natureza qualitativa e alguns dados quantitativos, utilizando o Estudo de Caso (YIN, 2005). A pesquisa foi realizada em duas instituições que possuem alunos incluídos na Rede Municipal de Ensino na cidade de Santa Rosa (RS). Para a produção dos dados utilizou-se a observação e entrevistas semiestruturadas com cinco professoras que atuam nas salas do Ensino Regular e que possuem alunos incluídos; três Educadoras Especiais que trabalham no AEE e quatro monitoras de sala de aula que atendem os alunos nessas escolas. Os dados foram analisados a partir das concepções da Análise de Conteúdo, de Bardin (2011). Com a análise das informações produzidas emergiram categorias e subcategorias que possibilitaram compreender um pouco mais sobre o processo de inclusão nas escolas. Como resultado constatou-se que os professores ainda têm muitas dificuldades para incluir os alunos com deficiência em suas salas de aula, e também para desenvolver práticas pedagógicas cujos instrumentos e meios possam contemplar as necessidades dos educandos dessas instituições. Percebe-se, ainda, que há necessidade de reorganização de programas de formação que ofereçam uma formação continuada para que esses educadores possam se instrumentalizar e atuar junto às turmas de estudantes com deficiência, atendendo à singularidade de cada um e auxiliando a superar as dificuldades que possam vir a surgir. A partir de tais observações espera-se que o presente estudo venha a contribuir com novas possibilidades de entendimento e reflexão sobre o processo de inclusão e a necessidade de constituir as relações interpessoais entre os pares envolvidos a fim de que o atendimento de crianças incluídas nas escolas venha ao encontro do respeito às especificidades de cada sujeito e aos direitos a uma educação escolar de qualidade.
Abstract (english): The schools are spaces of the construction of autonomous subjects, thinking beings, critics, creatives and questioners (MANTOAN, 2013). One of the great challenges of our Educational Institutions is to provide student’s access to quality education at all levels of education, respecting their cultural and social differences to make them citizens active in society. Since, this study has as a research problem: to understand how the teachers of the Municipality of Santa Rosa (RS), who work in the classrooms of Specialized Educational Attendance (SPA) and in the classrooms of the Regular Education, understand and effect the inclusion in the school-based. From this, it was attempted to identify the conceptions of the teachers of the SEA classrooms and of the Regular Teaching Classrooms, on inclusion and the importance of interpersonal relationships between the faculty and pupils, in order to provide potentially efficient practices in promoting effective inclusion. To meet our goals, a bibliographical survey was carried out from the principles of the State of the Art, in the theses banks in the BDTD and scientific articles in magazines with which A1 and A2 of Capes to compose the State of the Art and yet a research of field of qualitative nature and some quantitative data, using the case study (YIN, 2005). The research was carried out in two Institutions that have students included in the Municipal Education System in Santa Rosa (RS). For the production of the data, we use the observation and interstructured interviews with 5 teachers who work in the classrooms of Regular Education and who have students included; 3 Special Educators working in the SEA and 4 classrooms monitors that attend students in these schools. The data were analyzed from the conceptions of Bardin (2011) with the content analysis. With the analysis of the information produced, categories and subcategories emerged that enabled us to understand a little more about the process of inclusion in schools. As a result, it was found that it is still very difficult for teachers to include students with disabilities in their classrooms and also that they have many difficulties in developing pedagogical practices whose instruments and means can come to contemplate the needs of the students of these Institutions. We also realize that there is a need to reorganize training programmers that offer continuous training so that these educators can to turn, to act together with students with disabilities, taking into account the singularity of each and helping to overcome the difficulties that may arise. Therefore, from such observations, we hope that this study will be able to contribute by seeking new possibilities of understanding and reflection on the process of inclusion and the need to constitute interpersonal relations between the couple involved, end the attendance of children included in the schools is really so that it comes to meeting the respect the specifics of each subject and the rights to an education of quality.
Keywords: Atendimento Educacional Especializado
Teoria Histórico-Cultural
Educação Inclusiva
Formação Docente
CNPQ Knowledge Areas: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Escola de Humanidades
Program: Programa de Pós-Graduação em Educação
Access type: Acesso Aberto
Fulltext access restriction: Trabalho não apresenta restrição para publicação
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/8421
Issue Date: 27-Nov-2018
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese de Cleusa Inês Ziesmann.pdfCLEUSA_INES_ZIESMANN_TES2.28 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.