Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/8149
Document type: Dissertação
Title: Relações de gênero e ruralidades nas narrativas de adolescentes em escolas do interior do Rio Grande do Sul
Author: Souza, Nathalia Amaral Pereira de 
Advisor: Costa, Angelo Brandelli
Abstract (native): Ao longo da história as formas de relacionar-se passaram por alterações que impactaram no modo como os relacionamentos de adolescentes são vivenciados atualmente. A velocidade e a instantaneidade produzidas pelo líquido cenário moderno contribuem para relacionamentos flexíveis e instáveis na adolescência. Além disso, a violência nos relacionamentos entre adolescentes é banalizada como um fenômeno cultural, especialmente no Brasil. O estudo teve como objetivo investigar a violência de gênero nas relações afetivas na adolescência e o modo como as questões de gênero são apresentadas nas narrativas de adolescentes de duas escolas municipais em contexto rural e urbano no interior do Rio Grande do Sul. A pesquisa define-se por ser qualitativa e exploratória, com a participação de 11 adolescentes de 15 e 16 anos de idade, sendo 7 moças e 4 rapazes. Nesta pesquisa, adolescência é compreedida no período entre 12 e 18 anos. O estudo ocorreu em uma cidade do interior do Rio Grande do Sul, localizada a 67 km da capital do estado, Porto Alegre. Duas foram as escolas municipais participantes deste estudo, uma está localizada em zona urbana da cidade e a outra em zona rural. Foram realizados seis grupos focais mistos, de moças e de rapazes, três em cada escola. Foi realizada uma análise de conteúdo do tipo temática das falas provenientes dos grupos focais. Dois artigos foram realizados a partir dos dados desta pesquisa. O primeiro artigo investigou as percepções das/os adolescentes sobre as relações afetivas na adolescência. Os resultados apontam percepções de relacionamentos impactados pela combinação do amor romântico e do amor líquido. Ademais, a violência simbólica é percebida nas desigualdades entre os gêneros e na patologização dos relacionamentos homossexuais. O segundo artigo teve como objetivo analisar as percepções de adolescentes sobre o contexto rural onde moram. Os resultados demonstraram que, embora haja o desejo em migrar da cidade para novas oportunidades, algumas/ns adolescentes sentem preocupação em vivenciar situações de preconceitos contra a origem geográfica e de lugar que experenciam onde moram, geradas pela violência simbólica. Os dois estudos revelaram a relevância em pesquisar as relações de gênero nas ruralidades, ao oportunizar e a fortalecer a presença da Psicologia Social no meio rural.
Abstract (english): Throughout history the ways of relating have been through changes which impacted in how the relationships of adolescents are experienced nowadays. The velocity and instantaneousness produced by liquid modern scenario contribute to flexible and unstable relationships in adolescence. Furthermore, violence in relationships among teenagers is trivialized as a cultural phenomenon, especially in Brasil. The study aimed to investigate gender violence in adolescent affective relationships and how gender issues are presented in the narratives of adolescents from two municipal schools in a rural and urban context in Rio Grande do Sul’s countryside. The research is defined as qualitative and exploratory, with the participation of teenagers between 15 and 16 years old, being 7 girls and 4 boys. In this research, adolescence is comprehended by the period from 12 and 18 years of age. The study took place in a city in the countryside of Rio Grande do Sul, located 67 km from the capital of state, Porto Alegre. Two city schools took part in this study, one is located in the urban area of the city and the other one in the rural area. There were six mixed focus groups of girls and boys, three in each school. The data were examined through the content analysis of the thematic type of speech emission from the focus groups. Two studies based on research data. The first article analyzes how the adolescents' perceptions about affective relationships in adolescence. The results point to perceptions of relationships impacted by the combination of romantic love and liquid love. Besides that, symbolic violence is perceived in the inequalities between genders and in homosexual relationships pathologization. The second article aimed to analyze the perceptions of adolescents about the rural context where they live. The results of article two presented that, although there is a desire to migrate from the city to new opportunities, some adolescents are worried about experiencing prejudice against the geographic origin and place where they live, generated by the symbolic violence. The two studies revealed the importance of researching as gender relations in the rural areas, by opportunizing and strengthening a presence of Social Psychology in rural areas.
Keywords: Relacionamentos Afetivos
Violência de Gênero
Adolescências
Ruralidades
CNPQ Knowledge Areas: CIENCIAS HUMANAS:PSICOLOGIA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Escola de Ciências da Saúde
Program: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Access type: Acesso Aberto
Fulltext access restriction: Trabalho será publicado como artigo ou livro
Time to release fulltext: 60 meses
Date to release fulltext: 19/06/2023
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/8149
Issue Date: 26-Mar-2018
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DIS_NATHALIA_AMARAL_PEREIRA_DE_SOUZA_CONFIDENCIAL.pdfNATHALIA_AMARAL_PEREIRA_DE_SOUZA_DIS475.06 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.