Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/7947
Document type: Tese
Title: Transtorno de estresse pós-traumático em bancários vítimas de ataques a bancos : reações pós-traumáticas e terapia de exposição virtual
Author: Barbosa, Márcio Englert 
Advisor: Kristensen, Christian Haag
Abstract (native): O Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT) é um transtorno mental que pode se desenvolver a partir da exposição a um evento traumático. Suas características são a revivência do trauma, evitação de situações que relembrem o evento ou provocam ansiedade, alterações negativas nas cognições e humor, e excitabilidade aumentada. A Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC) é uma das abordagens terapêuticas com maior eficácia no tratamento do TEPT. Apesar de eficaz, alguns pacientes são refratários às técnicas de exposição através da imaginação frequentemente usadas na TCC para o TEPT, e o percentual de abandono do tratamento é elevado. Visando ao aumento da eficácia terapêutica e uma maior adesão ao tratamento, vêm sendo desenvolvidos desde a década de 1990 dispositivos de Realidade Virtual (RV) que possam ser utilizados para realização da Terapia de Exposição Virtual (TEV). Esta terapia é uma variação das intervenções terapêuticas tradicionalmente utilizadas na TCC e tem apresentado bons resultados. Porém, a maior parte dos estudos nesta área explora populações militares ou vítimas de ataques terroristas. Poucos estudos são encontrados sobre o tratamento de vítimas de violência urbana, um tipo de trauma muito frequente em países em desenvolvimento como o Brasil. Ainda, profissionais de algumas áreas estão mais expostos à violência, como é o caso dos bancários. O objetivo deste estudo é avaliar as reações pós-traumáticas em bancários vítimas de ataques a banco e a eficácia da TEV no tratamento do TEPT desenvolvido a partir deste trauma. Esta tese é composta de (1) uma introdução aos principais conceitos utilizados no desenvolvimento desta pesquisa; (2) uma revisão teórica sobre as vantagens e desvantagens da utilização da TEV no tratamento do TEPT; (3) um seção empírica sobre a avaliação de reações pós-traumáticas em bancários vítimas de assaltos a banco que buscaram atendimento psicológico; (3) a apresentação de um protocolo de TEV para vítimas de assaltos a banco que desenvolveram TEPT; (4) a avaliação da eficácia do protocolo de tratamento proposto através do estudo de caso de uma bancária portadora de TEPT e (5) considerações finais compilando os principais achados deste trabalho. Os resultados encontrados indicam que bancários vítimas de ataques a banco que buscaram atendimento psicológico apresentam um elevado percentual de transtornos psiquiátricos. Entre eles, o TEPT é o mais frequente. No estudo de caso realizado, a TEV proposta se mostrou eficaz, com redução significativa dos sintomas pós-traumáticos, depressivos e de ansiedade.
Abstract (english): Post-Traumatic Stress Disorder (PTSD) is a disorder characterized by the presence of intrusion, avoidance, negative cognition and mood, and arousal symptoms after an exposure to a traumatic event. Cognitive-Behavioral Therapy (CBT) is one of the most effective therapeutic approaches for PTSD. Although effective, some patients are refractory to imaginal exposure, a frequently used thecnique in CBT for PTSD, and there is a high dropout rate. In order to increase therapeutic efficacity and treatment adherence, Virtual Reality (VR) devices have been developed since 1990 to be used in Virtual Exposure Therapy (VET). This therapy is a variation of CBT therapeutic interventions that have been showing good outcomes. However, most researches in this area study military populations or victims of terrorist attacks. Few studies have been found in literature review about the treatment of victims of urban violence, a very common type of trauma in developing countries such as Brazil. Still, some occupations are more exposed to violence, as is the case of bank employees. The objective of this study is to evaluate posttraumatic reactions in victims of bank robberies and the efficacy of VET in the treatment of PTSD. This study is composed of (1) an introduction to the main concepts used to develop this research; (2) a theoretical review of the advantages and disadvantages of VET in the treatment of PTSD; (3) an empirical section on an assessment of posttraumatic reactions on bank employees victims of bank robberies who sought psychological care; (3) a presentation of a VET protocol for victims of bank robberies who develop PTSD; (4) an evaluation of the proposed treatment protocol through a case study of a bank employee with PTSD and (5) final considerations of the main findings of this work. The results suggest that bank employee’s victims of robberies who sought psychological care present an elevated percentage of psychiatric disorders. Among them, PTSD is the most frequent. In the case study performed, the VET protocol proved to be efficient, with reduction of posttraumatic, depressive and anxiety symptoms.
Keywords: Transtornos de Estresse Pós-Traumáticos
Terapia Cognitiva
Terapia de Exposição à Realidade Virtual
Saúde do Trabalhador
CNPQ Knowledge Areas: CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Escola de Ciências da Saúde
Program: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Access type: Acesso Aberto
Fulltext access restriction: Trabalho será publicado como artigo ou livro
Time to release fulltext: 60 meses
Date to release fulltext: 16/04/2023
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/7947
Issue Date: 12-Jan-2018
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TES_MARCIO_ENGLERT_BARBOSA_CONFIDENCIAL.pdfTES_MARCIO_ENGLERT_BARBOSA_CONFIDENCIAL666.92 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.