Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/7843
Document type: Tese
Title: A ciência como regeneradora da nação : eugenia e autoritarismo no pensamento de Oliveira Vianna, Azevedo Amaral, Renato Kehl e Belisário Penna
Author: Munareto, Geandra Denardi 
Advisor: Abreu, Luciano Aronne de
Abstract (native): O seguinte trabalho tem por objetivo analisar a associação entre Eugenia e Autoritarismo nas obras de Belisário Penna, Renato Kehl, Oliveira Vianna e Azevedo Amaral, não só relativos aos diagnósticos dos problemas nacionais, mas também em seus projetos de futuro. Todos eles não só veem a desorganização da nação como um problema a ser solucionado, mas também a inabilidade das elites dirigentes em percebê-los, propondo soluções adequadas, bem como a impossibilidade de uma população inferiorizada, doente e disgênica em proporcionar meios para que o país alcançasse a prosperidade. Eugenia e autoritarismo aparecem como soluções que viabilizariam o tão sonhado caminho para o progresso e para a modernidade. No entanto, sua eficácia dependeria de uma ação conjunta entre essas duas propostas, dados que, sozinhas, não seriam capazes de superar as três principais causas do atraso nacional: raça, elites e organização político-institucional.
Abstract (english): The objective of this work is to analyze the association between Eugenics and Authoritarianism in the works of Belisário Penna, Renato Kehl, Oliveira Vianna and Azevedo Amaral, not only related to the diagnoses of national problems, but also in their projects for the future. They saw not only the disorganization of the nation as a problem to be solved, but also the inability of the ruling elites to perceive them, proposing appropriate solutions, as well as the impossibility of an inferiorized, sick and dysgenic population in providing means for the country achieve prosperity. Eugenics and Authoritarianism appear as solutions that would enable the long-awaited path to progress and modernity, but its effectiveness would depend on a joint action between these two proposals, as that alone they would not be able to overcome the three main causes of national backwardness: race, elites, and political-institutional organization.
Keywords: Eugenia
Autoritarismo
Nacionalismo
CNPQ Knowledge Areas: CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Escola de Humanidades
Program: Programa de Pós-Graduação em História
Access type: Acesso Aberto
Fulltext access restriction: Trabalho não apresenta restrição para publicação
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/7843
Issue Date: 28-Dec-2017
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese - GEANDRA DENARDI MUNARETO.pdfGEANDRA_DENARDI_MUNARETO_TES3.35 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.