Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/7656
Document type: Dissertação
Title: O feitiço do moderno : Jonas Savimbi e seus projetos de nação angolana (1966-1988)
Author: Melícias, Tomás Diel 
Advisor: Paredes, Marçal de Menezes
Abstract (native): O processo de formação nacional dos estados africanos foi, durante a metade final do século XX, profundamente influenciado pela relação entre ideologias provenientes de dois mundos completamente diferentes. Os atores históricos que conduziram as lutas e os esforços de libertação de seus países foram, por um lado, fortemente influenciados pelas teorias de cunho modernista oriundas do continente europeu, e por outro, pelas ancestrais tradições mantidas pelos povos de seu continente. No caso angolano, o país presenciou um sangrento clash ideológico proveniente desta dualidade conceitual. Os diferentes projetos nacionais mantidos pelos seus movimentos de libertação desencadearam, por quase trinta anos, um sangrento conflito civil. Esta dissertação pretende, portanto, analisar a manifestação e remodelação dos discursos nacionalistas produzidos por Jonas Malheiro Savimbi – fundador e antigo líder da União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA) – entre os primeiros anos de sua carreira política (final da década de 1950) e o fim do período da Guerra Fria (finais de 1980). Os posicionamentos políticos e ideológicos manifestados por Savimbi são analisados a partir de seu contexto histórico e de sua relação com estudos teóricos que exploram as diversas facetas do nacionalismo e da identidade nacional. Com base nessa junção de perspectivas de análise, pretende-se explorar a importância do legado da figura política de Jonas Savimbi para a formação nacional de Angola.
Abstract (english): During the late half of the XX century, the African states’ nation building process was deeply influenced by the relationship between two sets of very different ideologies. The historical figures that led the struggle for the liberations of their countries were heavily influenced by modernist European theories, as well as many ancient traditions kept alive by the African people. For almost thirty years, Angola faced a bloody civil war between its many different nationalist movements and their political and national agendas. This thesis analyses both the manifestation and constant reshuffle of Jonas Malheiro Savimbi’s nationalist speeches between his early political years (late 1950’s) and the end of the Cold War (late 1980’s). Founder and leader of the União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA), Savimbi’s political and nationalist stances are analyzed not only by their historical contexts, but also by their correlation with theories that seek to examine the many forms and social manifestations taken by the notion of nationalism and national identity. Considering this twofold analytic perspective, this thesis intends to underline the importance of Jonas Savimbi’s legacy to the process of nation building in Angola.
Keywords: África
Angola
Nacionalismo
UNITA
Jonas Savimbi
CNPQ Knowledge Areas: CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Escola de Humanidades
Program: Programa de Pós-Graduação em História
Access type: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/7656
Issue Date: 24-Aug-2017
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DIS_TOMAS_DIEL_MELICIAS_COMPLETO.pdfTexto Completo1.74 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.