Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/6455
Document type: Tese
Title: O ensino primário no Colégio Farroupilha : do processo de nacionalização do ensino à LDB nº 4.024/61 (Porto Alegre/RS: 1937/1961)
Author: Jacques, Alice Rigoni 
Advisor: Bastos, Maria Helena Câmara
Abstract (native): A presente pesquisa, inserida no campo da História da Educação problematiza o ensino primário do Colégio Farroupilha de Porto Alegre /RS no processo período da nacionalização do ensino até a implantação da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional/1961. Este estudo abarca os anos de 1937 a 1961, período de enfrentamento das organizações escolares devido à forte campanha de nacionalização nas escolas e sociedades alemães, em que a estrutura e a organização administrativo-pedagógica do ensino primário e ginasial do Colégio ajustava-se às transformações ocorridas pelo contexto político do país. A partir das normatizações determinadas pelo Estado e pelo governo federal, ocorrem diversas modificações curriculares como: a proibição do uso da língua alemã nas aulas, a proibição estendida à conversação usual no pátio do colégio, nas relações entre os corpos docente e discente, a circulação de livros estrangeiros dentro da instituição, a determinação pelo governo quanto à regulamentação dos feriados e das férias, os métodos de ensino e o modo como os professores conduziam a relação pedagógica e as práticas disciplinares. A investigação dessa temática buscou problematizar como a escola, sendo particular e de origem alemã, se ajustou às novas propostas governamentais e reformas na administração. O estudo tem como objetivo investigar as mudanças ocorridas na escola a partir da legislação vigente, do corpo docente e discente, das festas e comemorações e das práticas educativas desenvolvidas nesse período de mudanças administrativo-pedagógicas, entender como a escola, os professores, diretores e os outros agentes se utilizaram dessas normatizações e desse código de diretrizes da Educação Nacional, no qual o Estado assumiu a sua suprema direção, fixando-lhes os princípios fundamentais e controlando a sua execução, para constituir suas práticas de ensino e corresponder às expectativas político-educacionais implantadas na época analisada. Por meio do suporte teórico, dos documentos analisados (relatórios anuais da direção do ensino primário apresentados em Assembleias da Mantenedora da escola, os cadernos escolares, os periódicos escolares, as Revistas do Ensino/RS, as fotografias dos eventos, registros de inspeção, correspondências oficiais e entrevistas realizadas) a pesquisa foi constituída. As considerações finais se centram na questão que a campanha de nacionalização do ensino procurou disciplinar e regular socialmente o sentimento nacional, fazendo com que o ensino assumisse características de uma ação sistemática e repressiva das autoridades locais, e o Colégio Farroupilha se tornou uma escola visada e fiscalizada durante este processo, pois essa ação envolveu uma política de nacionalização rígida nos estabelecimentos de ensino particular. Em parte, o colégio procurou atender as demandas das fiscalizações e normatizações governamentais. Podemos dizer que as modificações que atingiram o Colégio Farroupilha não foram uma prerrogativa exclusiva dessa instituição, mas é uma história, até certo ponto, de resistências e de ajustamentos às medidas governamentais que visavam um objetivo: a instituição do ideal do nacionalismo.
Abstract (english): The present research, which is inserted in the field History of Education discusses the primary school of Colégio Farroupilha, which is located in Porto Alegre/RS, in the period that goes from the nationalization of education until the implementation of the law, emitted in 1961, called: ―Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional‖. This study covers the years of 1937-1961, a coping period that the school organizations had to face due to the strong campaign of nationalization in German schools and societies. In these scenarios, the structure and the administrative-pedagogical organization of the school had to adjust to transformations in the political context of the country. From the norms determined by the state and by the federal government, there were several curricular changes such as: prohibiting the use of the German language in class, not allowing the conversation in German between students in the schoolyard and between teachers and students, prohibiting the circulation of foreign books inside the institution, the government regulation of holidays and vacation, teaching methods and the way teachers led the pedagogical relationship and disciplinary practices. This research sought to discuss how the school, being private and having German origins, has adjusted to the new government proposals and changes in the administration. This research aims to investigate the changes in the school from the current legislation, for example in the faculty and students of schools, in the festivals and celebrations and in educational practices developed in this period. It also aims to understand how the school, teachers, directors and other agents used these norms and guidelines of this code of National Education, - which the state took over, by establishing their fundamental principles and monitoring its application, - to constitute their teaching practice and match the political and educational expectations established in the analyzed period. Through the theoretical support and the analyzed documents (the annual reports from the direction of primary education which were presented in the school Maintainer Meetings, the school notebooks, the school newspapers, the Teaching Magazines of Rio Grande do Sul, the photographs of events, the inspection records, the official correspondences and the interviews), the research was established. The final considerations focus on the issue that the campaign of nationalization in education sought to socially regulate the national feeling, causing the school to assume the characteristics of the systematic and repressive action of local authorities. Moreover, Colégio Farroupilha became a target and used to be monitored during this process, because this action involved a rigid policy of nationalization in private schools. In part, the school sought to fulfill the governmental inspections and norms. We can say that the changes that have reached Colégio Farroupilha were not exclusive of that institution, but it is a story, to a certain extent, of resistance and adjustments to government measures which aimed one goal: the ideal nationalist institution.
Keywords: EDUCAÇÃO - HISTÓRIA
COLÉGIO FARROUPILHA - HISTÓRIA
PRÁTICA DE ENSINO
CNPQ Knowledge Areas: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Faculdade de Educação
Program: Programa de Pós-Graduação em Educação
Access type: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/6455
Issue Date: 30-Nov-2015
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TES_ALICE_RIGONI_JACQUES_COMPLETO.pdfTexto Completo9.84 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.