Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/639
Document type: Dissertação
Title: Validade de construto do inventário de depressão de Beck-II (BDI-II) em uma população universitária
Author: Finger, Igor da Rosa 
Advisor: Argimon, Irani Iracema de Lima
Abstract (native): Com o objetivo geral de validar para uma população universitária o Inventário de Depressão de Beck II (BDI-II), colaborando com o estudo das características psicométricas da versão em português, através da análise de representação comportamental e estabilidade temporal, o presente estudo está organizado em dois capítulos. No primeiro objetiva-se apresentar dados de prevalência de depressão e sintomatologia depressiva em universitários, além dos fatores associados ao transtorno, através de materiais publicados a partir de 2004 e localizados nas bases de dados Academic Research Library, Dissertations e Theses, Electronic Journal, Medical Library, ProQuest, Psychology Journal, PsycINFO, PubMED, Medline, Research Library Health Module, Scielo, Science Journals e Web of Science (ISI) com os descritores depressão, sintomas depressivos, universitários, estudantes (depression, depressive symptoms, students, college student, university student). Foram encontradas 44 publicações que seguem o objetivo do capítulo, observando-se elevadas taxas de prevalência de sintomatologia depressiva em universitários. Os números variam de 8,7% a 45,5%. Definição de pontos de corte diferentes em cada estudo e a utilização de metodologias diversas justificam a grande diferença encontrada. Há maior probabilidade de presença de sintomas depressivos em mulheres, calouros (alunos novatos da universidade) e pessoas com baixo nível socioeconômico, conforme os estudos localizados. Estudantes com ideação suicida atual têm sintomas depressivos significativamente maiores que os sem ideação suicida. No segundo capítulo almeja-se analisar as propriedades psicométricas do BDI-II para realizar a validade de construto do teste psicológico através das técnicas de análise fatorial, consistência interna e estabilidade temporal, além de observar fatores associados à sintomatologia depressiva, seus graus de correlação e significância. A amostra foi composta por 907 participantes, tendo 50 perdas, totalizando 857 estudantes universitários de uma universidade particular do Estado do Rio Grande do Sul. Utilizou-se uma ficha de dados sociodemográficos, organizada para o estudo, e o BDI-II. As análises estatísticas foram realizadas mantendo um nível de significância de 5%. Após análise, os resultados foram: Alfa de Cronbach igual a 0,888; utilizando-se da correlação intraclasse, verificou-se uma boa estabilidade temporal (ri = 0,731; p < 0,001); através do método de extração Análises de Componentes Principais e do método de rotação Varimax, os 21 itens do instrumento foram reduzidos a três fatores. Este modelo apresentou uma explicação de 44,567% da variação total dos 21 itens. Observou-se que 8,8% da população apresentam sintomas depressivos. Além disso, mulheres e freqüentadores de semestres iniciais do curso apresentam mais sintomas depressivos em comparação aos demais. E quanto mais atividades de lazer e prática de exercícios, menos sintomas depressivos os alunos apresentam e/ou vice e versa. Com resultados melhores em consistência interna, estabilidade temporal e análise fatorial, a validade de construto, através da representação comportamental do construto, torna-se mais consistente que a validade do BDI-I para uma população universitária brasileira.
Keywords: PSICOLOGIA CLÍNICA
ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS - ASPECTOS PSICOLÓGICOS
PSICOMETRIA (PSICOLOGIA)
DEPRESSÃO
CNPQ Knowledge Areas: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Language: por
Country: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Faculdade de Psicologia
Program: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Citation: FINGER, Igor da Rosa. Validade de construto do inventário de depressão de Beck-II (BDI-II) em uma população universitária. 2008. 81 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2008.
Access type: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/639
Issue Date: 18-Dec-2008
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
409553.pdfTexto Completo4.33 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.