Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/6006
Document type: Tese
Title: Interleucinas no fluido do sulco gengival humano em resposta a aplicação de força
Author: Allgayer, Susiane 
Advisor: Menezes, Luciane Macedo de
Abstract (native): O movimento dentário promovido por forças ortodônticas é baseado em alterações remodeladoras que ocorrem no ligamento periodontal e no osso que circundam os dentes. Este movimento pode ocorrer de forma mais rápida ou lenta, dependendo das características físicas da força aplicada e da resposta biológica induzida e é caracterizado por criação de zonas de compressão e tensão no ligamento periodontal. O conhecimento das alterações teciduais geradas é essencial para o planejamento do movimento do dente e de suas estruturas anexas para uma nova posição, sem danos aos tecidos. Neste estudo, uma revisão de literatura teve como objetivo possibilitar a compreensão dos fenômenos celulares, bioquímicos e moleculares que ocorrem nas estruturas do ligamento periodontal (PDL) e, também do osso alveolar ao redor do dente e que estão envolvidos na movimentação dentária induzida. A revisão sistemática teve como objetivo avaliar estudos sobre citocinas no fluido gengival (GCF) durante o tratamento ortodôntico, resumindo os padrões de regulação das citocinas mais estudadas e explorar suas implicações clínicas. Além disso, foram investigadas alterações dos moduladores imunológicos e ósseos em resposta a aplicação da força ortodôntica. Para tanto o fluido gengival de dentes submetidos ao procedimento de expansão maxilar foi avaliado qualitativamente verificando concentrações de interleucinas e seu valor preditivo como marcador da intensidade da resposta inflamatória e turnover ósseo na movimentação ortodôntica. O objetivo da investigação foi avaliar se a força aplicada sobre o ligamento periodontal durante a expansão maxilar se reflete na composição do Fluido do Sulco Gengival (FSG), mais especificamente no nível de interleucina IL-17 dos lados de tensão ou compressão. As amostras do FSG foram coletadas das regiões mesiovestibulares e mésiopalatinas de 32 molares de 16 pacientes com idade entre 7 a 14 anos, que tinham necessidade de expansão maxilar. Estes pacientes iniciaram o tratamento ortodôntico durante o período compreendido entre 2012 e 2013, na Faculdade de Odontologia da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Eles receberam anéis nos primeiro molares permanentes superiores para a confecção de um aparelho disjuntor de Hyrax modificado. Os dados clínicos foram coletados por um investigador nas regiões supracitadas durante o período de ativação do aparelho. Empregando-se o ensaio imunoenzimático (ELISA) foram detectados os níveis da interleucina. Os locais foram analisados para IL-17 antes da colocação do aparelho, 1, 7 e 14 dias de uso ativo do aparelho. As forças empregadas resultaram em um aumento da expressão de IL-17 nos tecidos periodontais após um dia de aplicação em ambos os lados, de tensão e compressão. Os níveis de IL-17 tenderam a ser maiores (p ≤ 0,05) após sete dias de ativação do parafuso. Deste momento, até o décimo quarto dia, observou-se uma tendência para diminuição dos níveis de IL-17 (p ≤ 0,05). Concluiu-se que houve um aumento na expressão de IL-17 em ambos os locais, de tensão e compressão, em resposta à aplicação de força.
Abstract (english): Tooth movement in response to orthodontic forces is results from remodeling changes that affect the periodontal ligament and the bone surrounding teeth. This movement may be faster or slower depending on the physical characteristics of the force applied and the biological response induced, and is characterized by zones of compression and tension on the periodontal ligament. Knowledge about the tissue changes generated in this process is essential to plan the movement of teeth and their adjoining structures into a new position without any damage to tissues. In this study, the literature was reviewed to improve our understanding of the cellular, biochemical and molecular phenomena that affect the structures of the periodontal ligament (PL), as well as the alveolar bone surrounding the tooth and involved in the tooth movement that is induced in the process. The purpose of our systematic review was to evaluate studies about cytokines in gingival fluid (GF) during orthodontic treatment, summarize the patterns of cytokine regulation that have been more frequently studied and discuss their clinical implications. Additionally, we investigated changes in immunological and bone modulators in response to the application of orthodontic forces. For that purpose, GF of teeth that were involved in maxillary expansion was evaluated qualitatively to measure interleukin concentrations and their predictive value as a market of inflammatory response intensity and bone turnover during orthodontic movement. The purpose of this investigation was to evaluate whether the force applied on the PL during maxillary expansion affected the composition of the gingival crevicular fluid (GCF), specifically the level of IL-17 on the sides where tension and compression were applied. GCF samples were collected from the mesiobuccal and mesiolingual areas of 32 molars of 16 patients aged 7 to 14 years who had to undergo maxillary expansion. These patients started orthodontic treatment sometime between 2012 and 2013 at the School of Dentistry of the Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Porto Alegre, Brazil. Metal bands were placed around the permanent maxillary first molars to hold a modified Hyrax expander. One of the investigators collected clinical data about the sites listed above during activation of the expander. An enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA) was used to detect interleukin levels. The sites were examined to measure IL-17 before the device was placed and at 1, 7 and 14 days of active use of the expander. The forces applied resulted in an increase in IL-17 expression in periodontal tissues one day after the application of tension and compression at both measurement sites. IL-17 levels tended to be higher (p ≤ 0.05) seven days after the Hyrax screw was activated. From that time to the fourteenth day, there was a tendency to a decrease in IL-17 levels (p ≤ 0.05). We concluded that there was an increase in IL-17 expression at both tension and compression sites in response to force application.
Keywords: ODONTOLOGIA
ORTODONTIA
ORTODONTIA CORRETIVA
ORTOPEDIA FACIAL
INTERLEUCINAS
LINFÓCITOS T
MARCADORES BIOLÓGICOS
CNPQ Knowledge Areas: CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Faculdade de Odontologia
Program: Programa de Pós-Graduação em Odontologia
Access type: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/6006
Issue Date: 12-Mar-2015
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
468627 - Texto Completo.pdfTexto Completo848.45 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.