Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/488
Document type: Dissertação
Title: Implicações no processo de hospitalização no cotidiano e nas relações familiares do idoso
Author: Andreatta, Ana Paula Fabbris 
Advisor: Bulla, Leonia Capaverde
Abstract (native): A presente pesquisa, realizada em dois hospitais de Porto Alegre, tem por objetivo investigar quais as implicações dp processo de hospitalização na vida dos sujeitos entrevistados (15 idosos e 15 familiares). Para isso foram construídos dois formulários distintos, um para o idoso e o outro para o familiar. Durante a coleta de dados realizaram-se questionamentos referentes ao processo de hospitalização, adoecimento, período pós¬hospitalar, saúde, velhice e suporte social. A proposta investigativa foi submetida à Comissão Científica da Faculdade de Serviço Social e ao Comitê de Ética em Pesquisa da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Considerando a complexidade que envolve o processo de hospitalização do idoso, optou-se pela realização de um estudo que possibilitasse o desocultamento desta realidade. O referencial dialético-crítico orientou toda a construção do projeto de pesquisa e a sistematização dos resultados obtidos. As categorias do método utilizadas para a análise e interpretação dos dados foram: historicidade, contradição e totalidade. As categorias explicativas da realidade eleitas foram: hospitalização, envelhecimento populacional, família, independência e dependência. Durante o processo de interpretação dos resultados emergiram as seguintes categorias empíricas: adoecimento, perspectivas de vida e saúde. A partir dos depoimentos dos sujeitos do estudo constata-se a centralidade do adoecimento no cotidiano dos idosos entrevistados que, em sua maioria, possuem uma visão bastante negativa sobre a velhice. A centralidade do adoecimento também contribui para a ausência de expectativa de vida dos sujeitos. Sobre as características dos idosos entrevistados 67% já permaneceram internados diversas vezes na mesma instituição. No que se refere à faixa etária 46% possuem de oitenta e um a noventa anos. Em decorrência da viuvez, a maioria vive com os filhos. Em virtude desta realidade, mais da metade dos familiares entrevistados são filhos dos idosos. Os sujeitos do estudo também apresentam uma escolaridade baixa, possuindo a maioria o Ensino Fundamental incompleto. Quanto às relações familiares 87,1% dos entrevistados consideram-nas satisfatórias. Ainda no que se refere à família, ressalta-se o desconhecimento dos familiares sobre a existência da Política Nacional do Idoso e do Estatuto do Idoso, assim como de iniciativas destinadas a idosos dependentes e semidependentes, além de hospitais e instituições de longa permanência.
Keywords: SERVIÇO SOCIAL
ENVELHECIMENTO
HOSPITALIZAÇÃO
IDOSOS
FAMÍLIA
CNPQ Knowledge Areas: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Language: por
Country: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Faculdade de Serviço Social
Program: Programa de Pós-Graduação em Serviço Social
Citation: ANDREATTA, Ana Paula Fabbris. Implicações no processo de hospitalização no cotidiano e nas relações familiares do idoso. 2011. 135 f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2011.
Access type: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/488
Issue Date: 17-Jan-2011
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
430143.pdfTexto Completo760.46 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.