Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/4742
Document type: Dissertação
Title: A comunidade espiritual Figueira : a influência de Trigueirinho sobre o eu (self) de seus seguidores
Author: Estrázulas, Márcia de Oliveira
Advisor: Rodrigues, Léo Peixoto
Abstract (native): A presente pesquisa teve como objetivo estudar Figueira, uma comunidade fechada, onde residem aproximadamente trezentas pessoas. A principal meta dessa instituição é ser uma escola de formação e instrução espiritual. Figueira localiza-se nas áreas rural e urbana da cidade de Carmo da Cachoeira, Estado de Minas Gerais. Foi fundada em 1987 pelo ex-cineasta do período Cinema Novo, José Hipólito Trigueirinho Netto, mais conhecido por Trigueirinho. Ele escreveu dezenas de livros com profecias do fim do mundo e sobre o resgate da terra com ajuda de extraterrestres. A grande predição de Trigueirinho trata da operação resgate da raça humana, que salvará o seu grupo do fim do mundo. Para os membros da comunidade serem resgatáveis precisam mudar o comportamento, o que implica sujeitar-se a uma purificação até chegar à santidade, à perfeição moral do ser humano. A possibilidade de resgate é um incentivo à mudança de padrão de personalidade. A finalidade é torná-los humildes, sem liberdade de escolha, sem livre-arbítrio para acatar ordens e funções alheias à natureza deles, assim podendo atender aos objetivos coletivos de Figueira. Trigueirinho reuniu seguidores. As relações dele com seus guiados estão estreitamente ligadas as suas qualidades proféticas. Grupos de pessoas internas e externas de Figueira cumprem suas normas, seguem regras quotidianas e trabalham em atividades gratuitas e voluntárias. A fim de tornar os seres humanos que transitam por Figueira resgatáveis há também redes de serviço no Brasil e no mundo. O perfil desses colaboradores assemelha-se ao dos estigmatizados, divergentes, outsiders, liminares, retraídos, marginais, deslocados, rebeldes, perdidos, desenraizados, minorias, artistas, etc. Com o objetivo de contextualizar, compreender e explicar a comunidade Figueira, o referencial teórico e metodológico utilizado é o interacionismo simbólico. Este estudo sobre o mundo dos atores sociais, denominados hóspedes e/ou visitantes itinerantes de Figueira, tem como um dos seus interesses principais fornecer uma versão sociológica do eu (self) em interação neste ambiente. Enfocamos o mundo do ator social não-internado, isto é, os hóspedes e/ou visitantes itinerantes que se hospedam em Figueira. Apresentamo-nos como colaboradores e ficamos hospedados. Colocamos-nos no próprio espaço das interações para observar participativamente como a integração faz a vida social naquele espaço. Procuramos nos integrar à vida cotidiana e não chamar a atenção. Não pudemos usar gravadores, filmadoras nem fotografar. Estes equipamentos são proibidos no local. Tampouco foram feitos questionários. Não pesquisamos as características macrossociológicas. Não levamos em conta o tempo e a história. Procuramos examinar as ações e relações impessoais. Foram seis observações participantes no campo da pesquisa. O estudo foi feito buscando compreender os atores sociais denominados hóspedes e/ou visitantes itinerantes que permanecem temporariamente e que, ao interagirem com os residentes ou internos, sejam auxiliares ou coordenadores, entram em conflito em função da sujeição hierárquica. Isto gera um clima de tensão permanente, pois as disciplinas, normas, regras e tarefas impostas pelo grupo de Figueira, liderado por Trigueirinho, interferem no eu (self) ou personalidade deles. Buscamos, também na obra de Goffman, trazer à luz a relevância sociológica das pesquisas das instituições totais, porque condicionam os atores sociais. Regras e normas estipulam, modelam, determinam o comportamento e o que devem pensar coletivamente em virtude de pertencerem ou não àquele grupo específico. Nossa hipótese é que Figueira possa ser classificada, parcialmente, como uma instituição total por possuir muitas características semelhantes a esse fenômeno. O mais importante é a percepção da sua influência sobre o eu (self), sobre o comportamento, o pensamento e até os sentimentos dos que estão ligados a ela direta ou indiretamente.
Keywords: INSTITUIÇÕES SOCIAIS
INTERAÇÃO SOCIAL
CNPQ Knowledge Areas: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Language: por
Country: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais
Citation: ESTRÁZULAS, Márcia de Oliveira. A comunidade espiritual Figueira : a influência de Trigueirinho sobre o eu (self) de seus seguidores. 2007. 36 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2007.
Access type: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/4742
Issue Date: 28-Mar-2007
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
390297.pdfTexto Parcial208.96 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.