Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/3755
Tipo do documento: Tese
Título: Formação de professores de história, práticas e discursos de si
Autor: Simões, Rodrigo Lemos 
Primeiro orientador: Morosini, Marília Costa
Resumo: O presente estudo tem como objetivo central analisar o processo formativo de estudantes do Curso de Licenciatura em História de um centro universitário do Rio Grande do Sul, especialmente a forma como são entendidas e realizadas as disciplinas de Estágio Supervisionado. Interessa-nos buscar, através dos relatórios de estágio, a fala dos sujeitos em meio a todo o tipo de circunstância a que são submetidos ao longo deste processo. A metodologia empregada foi de caráter qualiquantitativo e, num primeiro momento, identificamos e analisamos tudo aquilo que acreditam e carregam consigo como verdades a respeito da profissão, seus desejos e objetivos enquanto profissionais da área do ensino e, mais especificamente, como futuros professores de História. Posteriormente, damos início ao trabalho de identificação e análise dos discursos que contrastam o ideal da profissão frente à realidade experienciada nas escolas de Educação Básica. Finalmente, destacamos as falas que buscam redimensionar o ato educativo pós-experiência de Estágio Supervisionado, realinhando o desejo de tornarem-se professores diante das adversidades encontradas ao longo do processo de formação. Acreditamos que as disciplinas de Estágio Supervisionado são por excelência o local de iniciação na docência. São também locais de paradoxos, onde as alegrias e tristezas, a perseverança e as dificuldades são encontradas quando das diferentes situações relativas ao ambiente escolar, podendo ser interpretadas levando-se em consideração os diferentes caminhos percorridos no decorrer dos anos de formação. Se existem pré-condições, ainda assim, participa do entendimento que fazem a respeito da educação e do formar-se professor de História, toda uma série de questões relativas ao universo que antecede a formação inicial e ao ambiente universitário. Questões conjunturais, assim como aspectos pontuais relativos ao espaço/tempo experienciado pelos professorandos, são significativas para que possamos compreender aquilo que narram a respeito das suas experiências nas escolas. Neste sentido, identificamos que não será possível avançarmos e superarmos os sintomas de mal-estar na docência até que tenhamos um redimensionamento da formação inicial dos futuros profissionais da educação. Para que cumpra plenamente com sua função formativa, as Instituições de Ensino Superior devem ser capazes de, ao mesmo tempo suprir as necessidades dos estudantes em relação à área específica de atuação, conciliando a isso uma maior ênfase na docência, através de programas de ensino que formem o professor em sua plenitude. É nas IES que deve ser dado início a revalorização da profissão docente. É nela que serão formados os futuros quadros do magistério. E é nela que são identificadas as profundas defasagens na relação teoria X prática. Longe de ser entendido como um processo tranquilo e livre de traumas, a iniciação na docência nos é apresentada pelos estagiários como sendo um local de dúvidas e dificuldades. Ainda assim, reafirmam a crença na educação como sendo o principal meio de crescimento pessoal e de transformação da sociedade. Alijados de instrumentos capazes de reorganizar e dar novos sentidos ao entendimento daquilo que por eles mesmos é identificado como o real da profissão, retornam ao discurso fundante de uma educação redentora. Neste processo de retomada ou reafirmação de ideais e convicções, buscam e conseguem unir as forças necessárias para repensarem a si mesmos e darem sentido ao trabalho desenvolvido, construindo uma autoimagem positiva em meio às antinomias do processo formativo.
Abstract: The main objective of this study is to analyze the training process of undergraduate students of History in a university center of Rio Grande do Sul, particularly with respect to how supervised internship is understood and performed. We aim to seek, through the internship reports, the subjects speeches among every kind of circumstance the students are submitted to along this process. The methodology used was qualitative and quantitative in nature and, at first, it was identified and analyzed everything the students believe in and carry with them as truths about the profession, their desires and goals as professionals in the education field and, more specifically, as future History teachers. After that, it was carried out the identification and analysis of speeches which contrast the ideal of the career with the reality experienced in elementary schools. Finally, we highlight the speeches that seek to resize the educational practice after having performed the internship, realigning the desire to become teachers in face of the adversities found along the training process. We believe that the Supervised Internships are the initial teaching experience by excellence. They are also places of paradoxes, where joys and sorrows, perseverance and difficulties are found in different situations of the school environment, and can be interpreted considering the different paths taken along the training years. If there are pre-conditions, yet a whole series of issues relating to the universe prior to the initial training and to the university environment is part of the understanding about education and about graduating as History teachers. Conjuncture issues, as well as specific aspects related to space/time experienced by interns, are significant to the understanding of what they tell about their experiences in schools. In this sense, we recognize that it will not be possible to move forward and overcome the symptoms of malaise in teaching until we have a resizing of the initial training of future education professionals. To fully comply with their formative function, higher education institutions must be able to simultaneously meet the needs of students regarding their specific area of expertise, combining it with a greater emphasis on teaching, through educational programs that train teachers in the fullness. The revaluation of the teaching profession must be initiated in Higher Education Institutions. It is there where future teachers will be trained. It is there where the profound gaps between theory and practice are identified. Far from being seen as a smooth process without trauma, initiation into teaching is presented by the interns as a place of doubts and difficulties. However, they reaffirm the belief in education as the primary means of personal growth and transformation of society. Unaware of instruments capable of reorganizing and giving new meanings to the understanding of what undergraduate students themselves identify as what is "real" in their profession, they come back to the founding speech of a redemptive education. In this resuming or reaffirmation process of ideals and beliefs, the students seek and are able to join essential forces to rethink about themselves and give meaning to the work they develop, building a positive self-image among the antinomies of the training process.
Palavras-chave: ENSINO SUPERIOR
HISTÓRIA - ENSINO
PROFESSORES - FORMAÇÃO PROFISSIONAL
ESTÁGIO CURRICULAR - SUPERVISÃO
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Sigla da instituição: PUCRS
Departamento: Faculdade de Educaç
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Citação: SIMÕES, Rodrigo Lemos. Formação de professores de história, práticas e discursos de si. 2013. 243 f. Tese (Doutorado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/3755
Data de defesa: 8-Jan-2013
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
447383.pdfTexto Completo2,16 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.