Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/3591
Document type: Tese
Title: Educar para a solidariedade : o significado e a manifestação de uma nova consciência
Author: Costa, Elisabeth Garcia 
Advisor: Portal, Leda Lísia Franciosi
Abstract (native): O presente estudo, de abordagem qualitativa bibliográfica, insere-se na Linha de Pesquisa Ensino e Educação de Professores, focalizando a educação para a solidariedade, mais especificamente, EDUCAR PARA A SOLIDARIEDADE O SIGNIFICADO E A MANIFESTAÇÃO DE UMA NOVA CONSCIÊNCIA. Nesta Tese defendemos que educar para a solidariedade contribui de forma qualitativa para a transformação da sociedade sendo possível o avanço na formação humanizadora de educadores, que vislumbrem a assunção da cidadania e a expansão da consciência. Argumentamos que a educação não pode estar a serviço da competitividade que escraviza e que exclui e sugerimos àquela que, estando a serviço da emancipação humana, aposta na competência e na solidariedade. Em resposta a questão central deste estudo: como construir uma proposta de educação para a solidariedade que contribua para as transformações e avanços na formação humanizadora de educadore e que proporcione o afloramento de uma nova consciência, apontamos a rede e a cooperação como estratégias alternativas para pensar a racionalidade desde a perspectiva ética das relações. A educação para a solidariedade neste estudo está orientada na tese de que a formação de redes de parceria solidária e o desenvolvimento dessas parcerias entre escolas e seus profissionais entre si e com a comunidade consistem em estratégias fundamentais de interação e troca. Estratégias nas quais podem apoiar seu trabalho e melhor realizar seus objetivos educacionais, mediante a transformação e melhoria contínua de suas práticas, condição essencial para responder às constantes necessidades de adaptação à evolução do ambiente sócio-econômico-cultural e à contribuição para o desenvolvimento do espírito de humanidade. Contextualiza-se no estudo, pelas falas dos autores que embasam as reflexões, que o cotidiano de uma escola que se propõe trabalhar a favor da justiça social e da solidariedade cuida das suas relações internas para que essas sejam democráticas, participativas, solidárias e busca articular-se com outras instituições e movimentos sociais cujos objetivos e ações estejam comprometidos com os mesmos propósitos. Assumimos e defendemos que a escola é um espaço político que, coletiva e solidariamente com outras instituições, luta em favor da justiça social.e que essa se insere no universo de significações, tecido pela cultura, pelas relações do cotidiano, adquirindo desta forma seu sentido próprio. A partir do entrelaçamento que este estudo possibilitou construir entendemos a solidariedade como valor ético, como princípio educativo e como fator de desenvolvimento de uma sociedade capaz de conviver com as diferenças e que o diálogo e a ação contextualizada ampliam a consciência que necessariamente passa pela postura do professor.
Keywords: EDUCAÇÃO
SOLIDARIEDADE (EDUCAÇÃO)
EDUCAÇÃO E SOCIEDADE
PROFESSORES - FORMAÇÃO PROFISSIONAL
CNPQ Knowledge Areas: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Language: por
Country: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Faculdade de Educaç
Program: Programa de Pós-Graduação em Educação
Citation: COSTA, Elisabeth Garcia. Educar para a solidariedade : o significado e a manifestação de uma nova consciência. 2009. 214 f. Tese (Doutorado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2009.
Access type: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/3591
Issue Date: 22-Jan-2009
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
410842.pdfTexto Completo2.18 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.