Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/2703
Document type: Dissertação
Title: Auto‐avaliação da sexualidade em mulheres idosas frequentadoras de um ambulatório de geriatria e instituição de longa permanência
Author: Macedo, Pérsia Regina Menz 
Advisor: Schneider, Rodolfo Herberto
Abstract (native): Introdução : Mudanças fisiológicas ocorrem com o envelhecimento. O efeito deste processo também afeta a sexualidade, que é influenciada pela saúde física e mental. Desta forma, a precepção da própria sexualidade no idoso reflete na auto-estima e qualidade de vida. Objetivo : Auto-avaliação da sexualidade de mulheres idosas frequentadoras do ambulatório do serviço de geriatria do Hospital São Lucas da PUCRS e institucionalizadas da Sociedade Porto Alegrense de Auxílio aos Necessitados (SPAAN). Metodologia : Estudo transversal, formado por 78 mulheres com 60 anos ou mais, divididas em dois grupos de 39. Foi aplicado um questionário contendo questões do perfil sócio-econômico e etário, auto-percepção de saúde e uso de fármacos, conhecimento em relação à sua sexualidade, como a imagem corporal, importância e relevância da sexualidade, visão sexual, familiar e feminilidade. Foi utilizado o teste t-student ou Análise de Variância (ANOVA) oneway, teste qui-quadrado de Pearson e o coeficiente de correlação de Spearman. O nível de significância foi de 5%. Resultados : A idade média das participantes foi de 67,9±6,6 anos para o grupo PUCRS e 78,8±8,1 anos para o grupo da SPAAN (p<0,001). A sexualidade foi importante em 24 (61,5%) mulheres da PUCRS onde 29 (76,3%) deste grupo se consideram sensuais. No grupo SPAAN 34 (85,5%) mulheres não pensam em sexualidade (p=0,002) e 11 (45,8%) solteiras deste grupo conceituaram a sexualidade como vários níveis de expressão e afeto e não apenas o coito. Conclusão : As idosas da PUCRS valorizam a sexualidade e se consideram sensuais, enquanto que as mulheres da SPAAN não pensam na sexualidade, porém as solteiras valorizam expressões de afeto e não apenas o coito.
Abstract (english): Introduction : Physiological changes occur with aging. The effect of this process also affects sexuality, which is influenced by physical and mental health. Thus, the perception has their own sexuality in the elderly reflects on self-esteem and quality of life. Objective : Self-rated sexuality of older women attending the outpatient geriatric service at the Hospital São Lucas and Sociedade Porto Alegrense de Auxílio aos Necessitados (SPAAN). Methods : Cross-sectional study, consisting of 78 women aged 60 years or more, divided in two groups of 39. We applied a questionnaire with socio-economic and age questions, self-perceived health status and use of drugs, knowledge about their sexuality, body image, importance and relevance of sexuality, sexual vision, family and femininity. We used the Student t test or analysis of variance (ANOVA) one-way chi-square test and Spearman correlation coefficient. The significance level was 5%. Results : The mean age of participants was 67.9 ± 6.6 years for the group PUCRS and 78.8 ± 8.1 years for the group SPAAN (p <0.001). Sexuality was important in 24 (61.5%) women PUCRS where 29 (76.3%) of this group consider themselves sexy. In group SPAAN 34 (85.5%) women do not think of sexuality (p = 0.002) and 11 (45.8%) of this group unmarried conceptualized sexuality as different levels of expression and affection, not just intercourse. Conclusion : The elderly PUCRS value her sexuality and consider themselves sexy, while women's SPAAN not think of sexuality, but the single valued expressions of affection and not just intercourse.
Keywords: MEDICINA
GERONTOLOGIA
GERIATRIA
SEXUALIDADE
MULHERES - ASPECTOS SOCIAIS E MORAIS
CNPQ Knowledge Areas: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Language: por
Country: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Instituto de Geriatria e Gerontologia
Program: Programa de Pós-Graduação em Gerontologia Biomédica
Citation: MACEDO, Pérsia Regina Menz. Auto&#8208;avaliação da sexualidade em mulheres idosas frequentadoras de um ambulatório de geriatria e instituição de longa permanência. 2013. 16 f. Dissertação (Mestrado em Gerontologia Biomédica) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2013.
Access type: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/2703
Issue Date: 11-Mar-2013
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Gerontologia Biomédica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
448872.pdfTexto Parcial107.6 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.