Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/1754
Document type: Dissertação
Title: Estudo da composição corporal e volemia de pacientes em diálise peritoneal através da bioimpedância : avaliação da influência do líquido intraperitoneal e da relação com o estado nutricional
Author: Lienert, Rafaela Siviero Caron 
Advisor: Figueiredo, Carlos Eduardo Poli de
Abstract (native): Introdução: A sobrecarga hídrica (SH) é um achado comum em pacientes em diálise peritoneal (DP) e a combinação com a inadequação do estado nutricional aumenta a mortalidade desta população. A bioimpedância espectroscópica é uma ferramenta precisa, sensível e confiável para determinar o estado volêmico e a composição corporal de pacientes em DP. O principal objetivo deste estudo foi: comparar a composição corporal e as variáveis de volume, medidas com o líquido de diálise presente na cavidade peritoneal (CC) e após este ser drenado (EC), através do Body Composition Monitor (BCM); e avaliar as relações do estado nutricional e composição corporal de pacientes em DP de acordo com a volemia. Métodos: Estudo transversal, envolvendo 37 pacientes adultos (>18anos de idade) estáveis em DP. Os dados gerados pelo BCM foram utilizados para análise da volemia e da composição corporal, realizados em dois momentos, CC e EC. Resultados: As características da amostra em estudo foram: 62,5% mulheres, 68,8% caucasianos, 75,0% em CAPD e 25,0% em APD. A avaliação de 32 pacientes mostrou que não há diferença estatística entre CC e EC em relação à hiper-hidratação (OH), água corporal total, intra e extracelular e suas correções por altura e peso, massa magra, massa gorda e seus índices, massa de tecido adiposo e massa celular corporal. A correlação de Pearson entre OH-CC e OH-EC apresentou valor de r=0,989 (P<0,001). Bland-Altmann plot para OH-CC e OH-EC mostrou linha de viés de -9mL e 95% de limites de concordância (-603 a 585 mL). Em outra análise com 37 pacientes a albumina sérica foi maior em pacientes euvolêmicos (EV) (P=0,013), e a Avaliação Subjetiva Global e o Escore de Desnutrição-Inflamação foram maiores em pacientes hiperhidratados (P=0,002 e P=0,004, respectivamente). Todos hipertensos foram diagnosticados como hiperhidratados. Diversas correlações foram encontradas entre marcadores de estado nutricional e composição corporal com volemia. Conclusão: A presença de líquido intraperitoneal não interfere na avaliação do estado de hidratação através do uso do BCM, assim como a análise da composição corporal massa magra, massa gorda, massa de tecido adiposo e seus índices sugerindo que a metodologia do BCM pode ser aplicada em ambas as condições, com e sem o líquido presente na cavidade peritoneal. Além disso, as variáveis de volemia estudadas apresentam forte associação com variáveis de estado nutricional. Com isso, observa-se que uma avaliação detalhada do estado de hidratação deve fazer parte da avaliação nutricional criteriosa, visando determinar corretamente o estado nutricional destes pacientes.
Abstract (english): Background: Fluid overload (FO) is common in patients on PD and the combination with inadequate nutritional status causes increased mortality in peritoneal dialysis (PD) patient. Bioimpedance spectroscopy is a precise, sensitive and reliable tool for determining the fluid volume status and body composition of PD patients. The main aims of this study were: to compare body composition and volume variables, measured with the dialysis fluid inside the peritoneal cavity (CC) and after its drainage (EC), using the Body Composition Monitor (BCM); and to evaluate associations of the nutritional status and body composition of patients receiving PD, with their volume status. Methods: A cross-sectional study involving 37 stable adult patients (>18 years) on PD. A BCM report was used for the analysis of fluid status and body composition, and was conducted with both a CC and EC. Results: The study sample had the following characteristics: 62.5% female, 68.8% Caucasian, 75.0% on continuous ambulatory peritoneal dialysis (CAPD) and 25.0% on peritoneal dialysis automatized (APD). Evaluation of 32 patients showed no statistical difference between CC and EC in regard to overhydration (OH), total body water, extracellular water, intracellular water and their corrections for height and weight, lean tissue mass, fat tissue mass and their indices, adipose tissue mass, and body cell mass. Pearson's correlation coefficient of OH between CC and EC was r=0.989 (P<0.001). Bland-Altmann plot for OH full and OH empty had a line of bias of -9 mL and 95% limits of agreement from -603 to 585 ml. In another analysis with 37 patients serum albumin was higher in euvolemic (EV) patients (P=0.013), and the Subjective Global Assessment and Malnutrition Inflamation Score were higher in OH patients (P=0.002 and P=0.004, respectively). All hypertensive patients were diagnosed as OH. Several correlations were disclosed between nutritional markers and body composition markers and volemia. Conclusion: The presence of intraperitoneal fluid does not interferes with the evaluation of hydration status using BCM, or in the analysis of corporal composition - lean tissue mass, fat tissue mass, adipose tissue mass and their indices, suggesting that the BCM methodology can be applied in both conditions, with or without drainage of the dialysate solution. Besides the volume status of PD patients has a strong association with nutritional assessment variables. Consequently, a detailed evaluation of volume status should be part of a complete nutritional assessment, aiming an appropriate nutritional state.
Keywords: MEDICINA
NEFROLOGIA
DIÁLISE PERITONEAL
NUTRIÇÃO
CNPQ Knowledge Areas: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Language: por
Country: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Faculdade de Medicina
Program: Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde
Citation: LIENERT, Rafaela Siviero Caron. Estudo da composição corporal e volemia de pacientes em diálise peritoneal através da bioimpedância : avaliação da influência do líquido intraperitoneal e da relação com o estado nutricional. 2013. 115 f. Dissertação (Mestrado em Medicina e Ciências da Saúde) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2013.
Access type: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/1754
Issue Date: 30-Jul-2013
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
452950.pdfTexto Completo1.61 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.