Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/1653
Document type: Tese
Title: Memória e atividade elétrica neuronal do hipocampo após ressecção na epilepsia do lobo temporal
Author: Azambuja, Luciana Schermann 
Advisor: Portuguez, Mirna Wetters
Abstract (native): Objetivo: Investigar a correlação entre a atividade elétrica neuronal (viabilidade) em fatias hipocampais humanas no estudo in vitro e o desempenho de memória no período pós-operatório de pacientes submetidos à cirurgia da epilepsia devido à esclerose mesial temporal.Metodologia: A amostra foi constituída por 64 pacientes com epilepsia do lobo temporal refratária ao tratamento medicamentoso, submetidos à amigdalohipocampectomia seletiva. Foram comparados pacientes que tiveram as fatias hipocampais que geraram atividade elétrica (viáveis) com aqueles que os resultados não produziram achados eletrofisiológicos in vitro (não viáveis). O desempenho de memória foi analisado a partir da Escala de Memória Weschler revisada (WMS-R). As variáveis investigadas foram os resultados de memória verbal imediata, memória verbal tardia, memória visual imediata bem como memória visual tardia nos períodos pré e pós-cirúrgico.Resultados: Houve uma melhora no funcionamento da memória após a cirurgia, estatisticamente significativa no grupo com fatias do hipocampo sem atividade elétrica neuronal (não-viável), principalmente em relação à memória verbal tardia (p=0,012). Nas memórias visuais imediata e tardia também observou-se uma melhora importante no grupo não viável, porém não estatisticamente significativa. No grupo com fatias do hipocampo com atividade elétrica neuronal (viável) destacou-se apenas a memória verbal tardia, com leve efeito positivo após a retirada do hipocampo. A diferença mais importante entre os grupos foi encontrada em ressecções no hemisfério direito, sendo que no grupo viável os resultados não foram significativos com a memória verbal tardia e no grupo não-viável houve melhora significativa desta variável. Em ressecções no hemisfério esquerdo, observou-se melhora no desempenho da memória verbal tardia, tanto no grupo viável, quanto no não viável.Conclusão: O grupo não viável correlacionou-se com melhor desempenho de memória no período pós-operatório, isto é, os pacientes nos quais foram ressecadas fatias de hipocampo sem atividade elétrica, apresentaram bom resultado de memória após a cirurgia.
Abstract (english): Aim: To investigate the correlation between neuronal electrical activity (viability) in human hippocampal slices in vitro and post-operative memory performance of patients submitted to epilepsy surgery due to temporal mesial sclerosis.Methods: The sample comprised 64 patients with temporal lobe epilepsy refractory to drug treatment submitted to selective amygdalohippocampectomy. We compared patients who had hippocampal slices generating electrical activity (viable) with those whose results did not show electrophysiological findings in vitro (non-viable). Memory performance was assessed through the Wechsler Memory Scale Revised (WMS-R). The variables investigated were immediate verbal memory, delayed verbal memory, immediate visual memory and delayed visual memory in the pre- and post-operative periods.Results: There was a statistically significant improvement in the group with hippocampal slices without electrical activity (non-viable), mainly as regards delayed verbal memory (p=0.012). In immediate and delayed visual memory there was an important improvement as well in the non-viable group, yet statistically insignificant. In the viable group only delayed verbal memory was enhanced, with a slight positive effect after withdrawal of the hippocampus. The most important difference between the groups was found in right hemisphere resections, where the results were not significant for delayed verbal memory in the viable group and there was a significant improvement of this variable in the non-viable group. In left hemisphere resections there was improved performance of delayed verbal memory in both groups.Conclusion: The non-viable group correlated better with post-operative memory performance, i.e. patients where hippocampal slices without electrical activity were resected had good memory outcomes after surgery.
Keywords: MEDICINA
DOENÇAS DO SISTEMA NERVOSO
NEUROPSICOLOGIA
EPILEPSIA DO LOBO TEMPORAL
MEMÓRIA
MAPEAMENTO CEREBRAL
HIPOCAMPO
CNPQ Knowledge Areas: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Language: por
Country: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Faculdade de Medicina
Program: Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde
Citation: AZAMBUJA, Luciana Schermann. Memória e atividade elétrica neuronal do hipocampo após ressecção na epilepsia do lobo temporal. 2011. 95 f. Tese (Doutorado em Medicina e Ciências da Saúde) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2011.
Access type: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/1653
Issue Date: 29-Aug-2011
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
436186.pdfTexto Completo1.49 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.