Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/1464
Tipo do documento: Tese
Título: Estudo comparativo controlado entre a transferência fascicular e a rafia terminolateral em janela de nervo agonista no trofismo do músculo denervado
Autor: Jaeger, Marcos Ricardo de Oliveira
Primeiro orientador: Silva, Jefferson Luis Braga da
Resumo: Introdução: A atrofia do músculo denervado é um problema de difícil solução. O restabelecimento da inervação representa o principal fator de intervenção para a recuperação do trofismo do músculo esquelético. A rafia nervosa terminolateral tem sido apresentada na literatura como uma possível alternativa quando não existe nervo motor doador disponível. Entretanto, a maior parte dos estudos foi desenvolvida apenas em modelos experimentais, tornando imprevisível os resultados da utilização clínica deste tipo de reinervação. Este estudo tem por objetivo demonstrar clínica e experimentalmente o impacto da rafia terminolateral em janela de perineuro no restabelecimento da força muscular. Métodos: A primeira etapa consistiu da realização de estudo experimental com 20 ratos Wistar para avaliarmos a preservação do trofismo muscular após as rafias términoterminais e término laterais utilizando nervos sensitivo e motor. Utilizamos o peso úmido e a histologia do músculo gastrocnêmio do rato em um novo modelo de transplante heterotópico para comparação. A segunda etapa correspondeu a um estudo prospectivo controlado e seqüencial em 12 pacientes que apresentavam denervação do músculo bíceps braquial e que necessitavam de tratamento cirúrgico. Utilizamos o escore da força muscular MRC Medical Research Council para comparar a força muscular decorrente da rafia terminolateral em janela de perineuro e a transferência fascicular em rafia terminolateral de fascículo do nervo ulnar. Resultados: Na etapa experimental, obtivemos uma diferença estatisticamente significativa entre os grupos (P<0.001). O grupo controle nervo motor preservado - não mostrou diferença significativa em relação ao grupo MTT. Em relação a todos os outros, o grupo controle foi diferente. Por sua vez, o grupo MTT não atingiu diferença estatisticamente significativa em relação ao grupo MTL. Na etapa clínica, O grupo IFC apresentou uma distribuição para o escore MRC estatisticamente superior a do grupo RTL, atingindo as suas medianas valores 3 e 2, respectivamente. Conclusão: Pelos resultados apresentados, a transferência fascicular através da divisão de nervo motor, quando possível, é a melhor escolha para o tratamento do músculo denervado. A rafia terminolateral que utiliza o nervo motor agonista pode representar uma opção de tratamento quando não houver nervo doador disponível.
Palavras-chave: MEDICINA
SISTEMA MUSCULOSQUELÉTICO
NERVOS - CIRURGIA
INERVAÇÃO
RATOS DE WISTAR
SUTURAS (CIRURGIA)
ANIMAIS - EXPERIÊNCIAS
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Sigla da instituição: PUCRS
Departamento: Faculdade de Medicina
Programa: Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde
Citação: JAEGER, Marcos Ricardo de Oliveira. Estudo comparativo controlado entre a transferência fascicular e a rafia terminolateral em janela de nervo agonista no trofismo do músculo denervado. 2007. 139 f. Tese (Doutorado em Medicina e Ciências da Saúde) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/1464
Data de defesa: 26-Jan-2007
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
397981.pdfTexto Completo16 MBAdobe PDFThumbnail

Baixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.