Export this record: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/1358
Document type: Dissertação
Title: Avaliação da composição corporal através Dual-energy X-ray absorptiometry (DEXA) em recém-nascidos de muito baixo peso : efeito do uso de fortificante do leite materno
Author: Pompeo, Jaqueline 
Advisor: Fiori, Humberto Holmer
Abstract (native): INTRODUÇÃO: A Dual-energy X-ray absorptiometry (DEXA) é considerada o método mais acurado para avaliação da composição corporal. Com o aumento progressivo da sobrevida em prematuros tem ocorrido um interesse crescente em relação a avaliação nutricional, uma vez que uma alimentação adequada nas primeiras semanas de vida influencia o desenvolvimento a longo prazo. Portanto a avaliação da composição corporal é de fundamental importância nos cuidados nutricionais dos prematuros. OBJETIVO: Avaliar a composição corporal através da Dual-energy X-ray absorptiometry em recém-nascidos prematuros alimentados com leite humano suplementado (FM85® .Nestlé Nutrition) ou leite humano. MÉTODOS: Foram estudados 26 recém-nascidos prematuros com menos de 1500g de peso ao nascimento, durante a internação na UTI Neonatal do Hospital São Lucas da PUCRS, entre julho de 2006 e janeiro de 2010. Os recém-nascidos foram randomizados em dois grupos: o grupo 1 recebeu leite humano acrescido de FM85® e o grupo 2 que recebeu leite humano sem FM85®. Foram registrados as medidas antopométricas. A composição corporal foi avaliada através da Dual-energy X-ray absorptiometry. RESULTADOS: Foram comparados 15 recém-nascidos prematuros que utilizaram leite humano com FM85® e 11 que ingeriram apenas leite humano. Os dois grupos não apresentaram diferenças significativas tanto na entrada como no final do estudo em relação a idade gestacional (média 30,2 sem ± 2,38 versus 30 sem ± 1,62; p = 0,76), peso (1232,7 g ± 166,82 versus 1161,4 g ± 228,43; p = 0,37), comprimento (37,4 cm ± 1,9 versus 36,6 cm ± 2,65; p = 0,25) e perímetro cefálico (26,5 cm ± 2,91 versus 25,9 cm ± 1,51; p = 0,5). As percentagens no início e ao final do estudo não apresentaram diferença significativa de massa magra (80 ± 1,89 versus 80,3 ± 1,22; p = 0,63), massa gorda (19,6 ± 1,81 versus 19,4 ± 1,2; p = 0,72) e conteúdo mineral ósseo (0,4 ± 0,18 versus 0,3 ± 0,09; p = 0,18), O volume percentual de leite humano ingerido, e tempo de internação também foram semelhantes entre os dois grupos no momento da alta. A concentração mineral óssea/Kg do grupo FM85® foi maior no grupo do leite humano suplementado (5,46 ± 2,63 g/Kg versus 3,55 ± 1,54 g/Kg; p =0,04) ao final do estudo. CONCLUSÕES: Não houve diferença entre os grupos em relação a massa magra, massa gorda e massa mineral óssea
Keywords: PEDIATRIA
COMPOSIÇÃO CORPORAL
RECÉM-NASCIDO DE MUITO BAIXO PESO
ALIMENTOS
LEITE HUMANO
CNPQ Knowledge Areas: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Language: por
Country: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Institution Acronym: PUCRS
Department: Faculdade de Medicina
Program: Programa de Pós-Graduação em Medicina/Pediatria e Saúde da Criança
Citation: POMPEO, Jaqueline. Avaliação da composição corporal através Dual-energy X-ray absorptiometry (DEXA) em recém-nascidos de muito baixo peso : efeito do uso de fortificante do leite materno. 2011. 72 f. Dissertação (Mestrado em Pediatria e Saúde da Criança) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2011.
Access type: Acesso Aberto
URI: http://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/1358
Issue Date: 28-Mar-2011
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Pediatria e Saúde da Criança

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
431001.pdfTexto Completo993.14 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.